Você está aqui

Relíquias cuidadosamente guardadas, de Chico Xavier

Enviado por murilo em sex, 08/07/2020 - 22:39

A fé em Deus, em Jesus e a confiança nos Bons Espíritos,  fez com que, em tempos de pandemia,  o jornalista Luiz Corrêa decidisse, juntamente com a esposa Elzi Corrêa, ir a Uberaba no dia 5 de agosto,  visitar Eurípedes Higino dos Reis, filho adotivo do médium Francisco Cândido Xavier.

Luizinho está incluído no chamado grupo de risco, pois é portador de diabete, é operado do coração e toma 23 comprimidos por dia. Mas, imbuído dos melhores propósitos, disse  a Elzi que tinham de fazer a viagem, uma vez que o dia 5 de agosto é dia do aniversário do médium Celso de Almeida Afonso, um dos grandes amigos e colaboradores de Chico Xavier, que desenvolveu, um trabalho ímpar no campo da mediunidade e, consequentemente, no campo da caridade, tal qual  Chico realizava, quando encarnado.

Foi então que o casal partiu, de Três Lagoas (MS) até Uberaba (MG), em seu veículo, tendo como motorista o próprio Luizinho e como objetivo maior os bons resultados que teriam do encontro com  Eurípedes. Certamente que a divulgação desse encontro iria enriquecer, de todas as maneiras, o que já se sabe do Chico e como estão as verdadeiras reliquias deixadas por ele, cuidadosamente guardadas, em casa-museu, (a casa onde Chico morou) zelosamente administrado por Eurípedes Higino dos Reis.

Luizinho conversou longamente com Eurípedes e fotografou todos os detalhes da casa-museu, mostrando  ao público leitor , inclusive, o automóvel que conduzia Chico Xavier, para a realização do seu gigantesco trabalho de caridade, humildade e amor ao próximo.

Vale também ressaltar que no dia 6 de agosto Luiz Corrêa e Elzi Corrêa visitaram o túmulo onde está enterrado os restos mortais de Chico Xavier e também o Centro Espírita Aurélio Agostinho, onde  Celso de Almeida Afonso trabalhou por mais de 40 anos.

Enfim, a cidade de Uberaba, este belo recanto do Estado de Minas Gerais, é o torrão abençoado onde plantaram as suas raízes os médiuns Francisco Cândido Xavier, Celso de Almeida Afonso e  Adelino de Carvalho, que produziram para o bem. Como diz Emmanuel na mensagem intitulada Produzimos, psicografada por Francisco Cândido Xavier, tudo o que é alguma coisa produz algo e cada criatura produz conforme os agentes em que se inspira. Onde estivermos  produziremos conforme as influências a que nos afeiçoemos, e atuamos mecanicamente sobre todos aqueles que se afeiçoam ao nosso modo de ser.

Se produzirmos para o bem, como esses grandes médiuns produziram (e produzem), esses mesmos recursos, em nossas mãos - como bem acentua Emmanuel - vêm-se promovidos a instrumentos valiosos, e, permanecendo com o Cristo, o Cristo, consequentemente, permanecerá em cada coração voltado a Ele.

Altamirando Carneiro